Nossa equipe

Manifesto

Acreditamos que somos mais do que apenas uma aceleradora de startups, somos catalisadores de propósitos empreendedores. Não lidamos com empresas, lidamos com pessoas sonhadoras que acordam todas as manhãs com brilho no olho e disposição para colocar a mão na massa. Desde 2016 impulsionamos negócios de tecnologia e impacto social. Afinal, nosso DNA é fundamentado no Kingdom Business, critério definido da seguinte maneira:
"uma empresa que traz impacto positivo para o mundo, gerida por líderes espiritualmente preparados que usam seu tempo, talento e dinheiro para satisfazer as necessidades físicas e espirituais das pessoas".

Ao acelerar, cumprimos a missão de transformar vidas através da nossa vocação empreendedora - e fazemos isso através de soluções para diferentes etapas da jornada dos negócios: validação, aceleração de startups e inovação corporativa. Porque afinal, as startups de hoje são as grandes corporações do amanhã. Bora partilhar juntos as dores e alegrias da vida empreendedora?

Conselheiros

Valores

Nossa história

timeline

2014/2015 - A visão de empreender por propósito.

Paulo Humaitá é impactado durante um evento no exterior. Ele passa a compreender que: “minha carreira na verdade não é minha”. Sente-se chamado e desafiado a iniciar uma transição, procura mentorias locais e globais, além de se envolver mais afundo com o ecossistema de empreendedorismo e inovação, comunidade onde encontra pessoas dispostas a trabalharem juntos em um - ainda desconhecido e incerto - desafio.

timeline

2016 - Errar muito, aprender muito.

Fundadores deixam suas atividades CLT e outros projetos para dedicação exclusiva à Bluefields. Cerca de 20 negócios são acelerados com muitos aprendizados, apesar disso, nenhum deles têm o sucesso esperado. O primeiro ciclo trianual do planejamento estratégico é realizado (2017-2019).

timeline

2017 - All-in, é tudo ou nada!

Apesar das tentativas do ano anterior, é a partir daqui que a Bluefields é oficialmente fundada e o primeiro programa de aceleração lançado - The Big Bam! #1 - com 6 startups. Parceria é fechada com Sinapis Group, rede global de aceleradoras e captação de investimento para os primeiros três anos.

timeline

2018 - Incertezas exponenciais...

Três novos programas de aceleração são lançados - The Big Bam! #2, 3 e 4! Porém a aceleradora enfrenta uma de suas maiores crises, resultado da saída de dois founders que retornaram ao mercado de trabalho, e da complexidade do modelo de negócio.

timeline

2019 - Geografia ilimitada para inovar

2019 foi o ano da grande reinvenção da aceleradora. Uma nova Bluefields surgiu. Com novas soluções, tanto para startups (Sparks) como para inovação aberta e transformação digital em grandes empresas (Corporate), a Bluefields passa a cobrir uma maior amplitude da jornada empreendedora . Todas as metas do Plano Estratégico 2017-2019 são batidas.

timeline

2020 - O segundo looping da montanha-russa

No ano marcado pela pandemia, a Bluefields se reinventa mais uma vez. Cuida de pessoas, do ecossistema e adapta sua estratégia. Desempenha papel-chave nos maiores programas de experiência digital e tríplice-hélice do Brasil - Digital Transformation Experience (DTX) e Núcleos de Pesquisa Orientada a Problemas em São Paulo (NPOP-SP).

timeline

2021 - Mais global, mais impacto, mais relevante

Bluefields entra em 2021 cheia de propósito e metas ousadas, está pronta para crescer com um time incrível e com uma cultura consolidada. Projetos como Acelera Brasil, que tem como objetivo ajudar 300 empreendedores espalhados pelo país (e no exterior) a validarem suas inovações, e parcerias consolidadas com grandes empresas, fazem da Bluefields uma acelerada referência em biodigital, nanotecnologia e educação.

Ecossistema
de Startups

Ecossistema
Impact-driven

Ecossistema
Corporate